VideoBar

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.

domingo, 30 de janeiro de 2011

Peixe nem vê-lo

Hoje lá fui para mais uma jornada de pesca para a zona do costume quando lá chegamos sonda-mos, sonda-mos, sonda-mos, sonda-mos e perguntei a malta “e o peixe?”, passado muito tempo lá encontramos um pouco de peixe no fundo e ai nem pensamos 2 vezes e vai já aqui, mas depois de muitas horas o peixe que entrou foi muito pouco ainda se contava pelos dedos, tentamos um pouco mais a sul em que ficamos por lá ate as 14h mas o peixe continuava escasso, sofremos para tentar meter algum peixe a bordo, depois fomos para o 1º sitio porque lá costuma ser bom no final da tarde mas o peixe emigrou para a fundura e não colaborou connosco.


Mas deu para dar gosto aos dedos do pouco peixe que foi apanhado pela malta, quando chegamos a terra estava a malta toda desanimada, porque lhes aconteceu o mesmo, mas no naval apareceu lá um barco com 3 pescadores em que nos mostrou uma lula que tinha mais de 1,20m, ficamos malucos a ver aquele enorme bicho ao pé.

Do pouco peixe que foi apanhado ainda deu para tirar a foto da praxe.


Cumprimentos

Sem comentários: